10 atores que levaram o seu papel ao extremo

É do senso comum que os atores são pagos para fingirem ser alguém que não são, mas quando um ator se deixa envolver realmente pela personagem que representa, acaba por confundir-se com a própria personagem, dando origem a momentos cinematográficos absolutamente incríveis. Tendo isto em conta, o The Lux Life vai apresentar-lhe 10 atores que perderam o controlo e levaram a representação demasiado longe.

Seth Rogen – The Interview 

“A entrevista”, de 2014, é um filme que contou com Seth Rogen como ator e diretor em simultâneo, tendo como história central dois jornalistas (Seth Rogen e James Franco), que foram enviados para a Coreia do Norte, com a missão de matar o líder norte-coreano Kim Jong-Un. O filme foi recebido pela crítica de formas bastante distintas, mas como se pode imaginar ninguém ficou mais desagradado com a produção cinematográfica do que Kim Jong-Un, que ameaçou retaliação caso o filme viesse a sair para os cinemas, considerando que toda a publicidade feita à “A Entrevista” seria vista como um ato de terrorismo. Escusado será dizer que toda esta polémica afetou o lançamento do filme e o próprio Seth Rogen, que foi alvo de várias ameaças por ter levado o seu papel enquanto ator e diretor longe de mais.

Leonardo Di Caprio – Django : O Libertado 

Se há ator reconhecido pela dedicação e entrega aos seus papéis esse ator é Leonardo Di Caprio. O sex symbol é um dos atores mais rentáveis de Hollywood e tem feito parte de alguns dos melhores filmes das últimas duas décadas. Apesar de já contar com 5 nomeações para melhor ator no seu currículo, Leonardo Di Caprio apenas  conseguiu arrecadar uma estatueta pelo filme “The Revenant: O Renascido”, em 2015, mas não é esse papel que o traz a esta lista. Em Django : O Libertado, Di Caprio deu vida ao vilão Calvin Candie, deixando-se envolver completamente pela personagem. O resultado está à vista no vídeo, numa cena em que o ator corta a mão ao partir um copo, continuando a representar como se nada fosse. E como nada é melhor do que a realidade Tarantino escolheu precisamente esse take para o final cut.

Isla Fisher – Mestres da Ilusão 

Toda a gente adora um bom truque debaixo de água, mas devido ao seu ambiente torna-se difícil para a equipa de segurança perceber quando é que a representação dá lugar ao stress verdadeiro. No filme “Mestres da Ilusão” foi precisamente isso que aconteceu, quando a atriz Isla Fisher, no papel de Henley Reeves, quase se afogou ao tentar escapar de um tanque enquanto estava presa por correntes, numa cena que não permitiu às pessoas do set perceberem se a atriz precisava mesmo de assistência ou se estava apenas a desempenhar o seu papel. Felizmente Isla Fisher acabou por conseguir soltar-se antes da situação se tornar ainda mais dramática.

George Clooney – Syriana 

George Clooney é, sem margem para dúvidas, um dos atores mais populares de Hollywood, sendo por isso de esperar que a produção se esforçasse ao máximo para o manter seguro. No entanto, os acidentes acontecem a todos e George Clooney não é exceção. Enquanto filmava uma cena de tortura no filme “Syriana”, de 2005, o ator americano, embrenhado no seu papel, virou a cadeira com demasiada força, acabando por se lesionar com alguma gravidade nas costas, tendo inclusive chegado a sofrer hemorragias nasais de fluído espinhal, numa lesão que o levou a pensar em suicídio, e que ainda hoje afeta o seu dia-a-dia.

Jason Statham – Os Mercenários 3

Reconhecido por todos os amantes do cinema como um dos atores mais durões de Hollywood, Jason Statham alia a sua função enquanto ator, à de mergulhador profissional e à prática de artes marciais, o que tudo conjugado o torna um dos únicos atores que recusa a utilização de duplos para as cenas mais perigosas. Tendo feito diversos filmes com orçamentos mais baixos, o ator britânico habituou-se às manobras arriscadas, mas ao filmar “Os Mercenários 3” o risco quase superou a recompensa. A cena foi encenada de modo a que o camião que Statham estava a conduzir parasse para que a sua personagem saísse do camião e começasse a disparar, no entanto o camião não parou e quando se despistou e caiu no mar negro levou o ator com ele. Num momento em que a maioria das pessoas começaria a entrar em pânico, Jason manteve a calma, e utilizou toda a sua experiência enquanto mergulhador para sair e nadar até à costa em segurança.

Channing Tatum – Foxcatcher 

Sendo reconhecidamente um dos atores mais versáteis do mundo do cinema, tem desempenhado papéis em filmes de todo o tipo, desde o drama à comédia,  passando pela ação. Para o seu papel em Foxcatcher, o ator deixou-se envolver totalmente pela personagem, ficando tão envolvido que chegou a bater diversas vezes com a cabeça num espelho no decorrer de uma cena. Apesar de coberto por plástico, o espelho era bem real, e provocou no ator vários cortes profundos que deixaram toda a gente surpreendida no set de filmagens. No entanto, Tatum estava tão concentrado na representação que mal reparou na gravidade dos ferimentos.

Ryan Reynolds – Deadpool 

Com a exceção de um filme em que teve que usar um fato de gordo, Ryan Reynolds nunca pareceu estar fora de forma, mas isso não significa que o ator não se sentisse dessa maneira. Sendo um grande apreciador do mundo dos comic books, o ator ficou felicíssimo por poder desempenhar o papel de Deadpool, num filme totalmente dedicado a essa personagem. Na verdade, Ryan Reynolds ficou tão animado que, logo no primeiro dia de treino para fazer de Deadpool, acabou por se lesionar nas costas devido à intensidade que colocou nos exercícios, vendo-se obrigado a voltar para casa literalmente a rastejar por causa das dores que sentia. Esta não foi, no entanto, a primeira vez que Ryan se lesionou para ficar em forma para um papel, tendo deslocado o ombro, anteriormente, na preparação para fazer de lanterna verde.

Jeremy Renner – Os Vingadores 

Uma das características comuns a todos os super heróis é a capacidade de entrar em cenários de guerra e devastação e saírem relativamente ilesos e sem mazelas físicas, que os obriguem a parar. No entanto, essas personagens são representadas por seres humanos comuns que estão sujeitas ao cansaço, a lesões e a questões físicas que podem resultar em incapacidade. Foi exatamente isto que aconteceu a Jeremy Renner, enquanto filmava “Os Vingadores”. De acordo com o roteirista Joss Whedon, o ator sofreu uma lesão no ombro e nas costas tão grave que a produção teve que entrar em pausa nos dias seguintes para permitir a recuperação de Jeremy.

Chris Evans – Capitão América – Guerra Civil 

A sua forma física perfeita, a sua inteligência e o seu escudo, tornam o Capitão América numa enorme mais-valia para qualquer equipa, e Chris Evans desempenha tão bem este papel, que fica difícil de imaginar o Capitão América a ser representado por outro ator. Apesar do reconhecimento que este papel deu ao ator ex-quarteto fantástico, ser o Capitão tem as suas exigências, obrigando Chris a manter-se na melhor forma possível durante anos, devido à importância da sua personagem para a Marvel. O problema é que a super força da personagem não corresponde à força real do ator, e por mais que gostássemos de acreditar que Evans consegue mesmo travar um helicóptero a levantar voo, a realidade é bastante diferente. Enquanto gravava uma cena em que a sua personagem tinha que fazer precisamente isso, o helicóptero alterou ligeiramente a sua trajetória provocando uma lesão grave no braço do ator, lesão essa que ainda hoje lhe provoca dores.

Margot Robbie – O Lobo de Wall Street 

Atualmente Margot Robbie é uma das atrizes mais procuradas e queridas de Hollywood, mas, em 2013, quando estava a filmar “O Lobo de Wall Street”, a atriz australiana era ainda relativamente desconhecida, o que pode ser um problema quando se está a partilhar ecrã com uma das maiores estrelas do mundo do cinema, Leonardo Di Caprio. Na preparação para uma cena de nudez a atriz ingeriu várias doses de tequilla, mas nada a poderia ter preparado para um momento de maior tensão no set de filmagens. Margot entregou-se totalmente à sua personagem e no calor do momento, ao gravar uma cena de discussão com Leonardo Di caprio, deu-lhe uma chapada, arrependendo-se de imediato ao aperceber-se que o ator a poderia processar. No entanto, aconteceu precisamente o oposto com Di Caprio a ficar impressionado com a dedicação de Margot Robbie aconselhando-a a fazer o mesmo outra vez, numa cena que acabou por ficar no produto final.

 

Advertisements

4 Comments on “10 atores que levaram o seu papel ao extremo”

Comments are closed.